22 de jul de 2010

Inferno Astral

Eu sou meio boba, meio adolescente ainda, acho! Eu acredito numas besteiras (daquelas do tipo que se você ver uma hora repetida, tipo 22:22, alguém está pensando em você e imediatamente você deve fazer um pedido, ou em estrela cadente, essas coisas...) que nem meu irmão de 3 anos e meio de idade acredita mais. Sim, acho que errei acima, eu parei na pré-adolescência, para alguns assuntos. Mas, eu acredito mesmo, fazer o que? Já passei daquele estágio de ficar me escondendo numa redoma de vidro. E, uma das coisas que “afetam” minha vida (além da maldita e odiada TPM) é o Inferno Astral. Conhecem? Aqueles 30 dias antes do seu esperado(ou nem tanto assim!) aniversário. Incrível, como é sempre um fechamento de ciclo e só agora com 18 anos e 11 meses(não quero acreditar que cresci mesmo e daí?) eu entendo. São 30 dias de reflexão, pensamentos, sonhos esquisitíssimos, inquietudes, perturbações, mas o bom é que às 22:29 do dia 06/09 (sim, eu nasci no dia do sexo, mas isso é um outro post) o que estava obnubilado, se clareia, e entra o Paraíso Astral. É aquela velha história de avós, do ciclo que se fecha para um novo se abrir.

Um comentário:

  1. Como se explica, nascer no dia do sexo e ser do signo de Virgem?

    ResponderExcluir